Entrevista – Arthur Maps Alves

Nessa segunda-feira alguns tweets da equipe do Angra dos Reis viralizaram e mostravam a história da equipe que se perdeu mas graças ao seu lateral achou o caminho. O Na Gaveta mostrou ontem em seu Facebook e hoje traz uma entrevista com o lateral Arthur Alves, agora também conhecido como Arthur Maps Alves.

Arthur Maps Alves guiando o motorista. Verdadeiro Maps.

Arthur guiando o motorista. Verdadeiro Maps.

NaGaveta – Quando vocês perceberam que estavam no lugar errado? E como você foi a solução?
Arthur Maps Alves – Quando ele passou por Nilópolis e continuou indo reto, porque eu sabia que o estádio era em Nilópolis. Aí comentei com os amigos do clube que ele estava indo na direção errada. Me xingaram e falaram: “vai lá ajudar então se você sabe”. Ri, levantei e fui ajudar, porque já tinha feito alguns jogos lá quando eu jogava na base do Nilópolis. O motorista ainda era um pouco teimoso, porque ele queria ir pelo GPS, sendo que o GPS dava muita volta e estávamos bem atrasados para o jogo. Mas graças a Deus, chegamos na hora e conseguimos sair com a vitória. (risos)

NaGaveta: Como foi a resenha pós jogo sobre o fato?
Arthur Maps Alves – Pô, começamos a brincar quando vimos no Lance! e no Esporte Interativo. Aí quando vi a página nagaveta.com brincando em relação ao bicho, já joguei no grupo do clube no Whatsapp. Aí começou a resenha, depois fui ver que até no Globo Esporte saiu. Os amigos estão todos me zoando, falando que sou Uber. (mais risos)

NaGaveta: Brincadeiras a parte, conseguiram uma vitória importante. O título é um objetivo?
Arthur Maps Alves – Graças a Deus saímos com a vitória. Temos um time muito bom, fizemos uma Série B boa no ano passado, mas descemos por causa do Tribunal (O Angra perdeu 17 pontos pela escalação de 2 jogadores irregulares). Agora, em 2017, o primeiro objetivo que almejamos é o título. Graças a Deus, está tudo dando certo.

Arthur em ação com as cores do Angra.

Arthur em ação com as cores do Angra.

Um Time e um treinador que são da resenha

NaGaveta: Já rolou o pedido de bicho em dobro?
Arthur Maps Alves – Rolou nada (risos), os jogadores cortam minha cabeça. Tem que ser tudo igual quando sai, mas com toda dificuldade do mundo, estamos sempre levando na esportiva. No nosso time, tudo mundo zoa até o treinador entra na resenha.

NaGaveta: E sua carreira até aqui, como é o lateral Arthur? Jogou onde, suas características…
Arthur Maps Alves – Comecei a gostar de bola um pouco tarde, joguei nas bases do Rubro Social (Araruama) e Nilópolis EC. O melhor que já joguei na base foi o Duque de Caxias, mas na época por  um pouco de imaturidade saí. Profissional, só pelo Angra mesmo, mas entrego nas mãos de Deus e vai ser feito a vontade dele na minha vida, o que vier é lucro. Tenho Deus, uma família boa, bons amigos e estou sempre rindo, quando se tem isso, dinheiro se torna supérfluo. Mas se Deus quiser que eu fique rico jogando bola, não vou ligar também (risadas). Brincadeiras a parte, muito obrigado pela moral. Tamo junto! Qualquer coisa, estamos aê. Angra na Libertadores de 2025!

Por fim o nagaveta.com agradece a atenção do Arthur Maps Alves tanto na entrevista como respondendo inúmeros comentários no Facebook, desejando sempre que todos os jogadores tenham essa mesma humildade e sejam sempre mais humanos porque isso faz total diferença e viva o futebol nacional.

E com certeza Tite tem que convocar esse lateral, pois ele sabe o caminho do Hexa.

Emerson Morelli

Fanático por futebol desde garoto, o colecionismo se tornou uma extensão disso.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *