Christian Eriksen – Mais um Sinal do Descontrole Financeiro dos Clubes Europeus

Texto originalmente publicado pelo Blog A Economia do Golo em 16/07/2018. Conheça mais e Curta a página no Facebook clicando aqui.

Um negócio que demonstra a loucura a que chegou o futebol europeu…

Depois de no ano passado, Neymar ter custado 220 milhões de euros ao Paris Saint-Germain, Mbappé ao mesmo clube 180 milhões. Coutinho ter ido para Barcelona por um valor que poderá chegar a 160 milhões de euros. Além de a cessão de Dembèlé para os culés ter ido para além dos 100 milhões de euros, o período estival que antecede a temporada de 2018/19 promete ser igualmente tórrido e dispendioso.

Começou, imediatamente, após a final da Champions com Cristiano Ronaldo a anunciar a intenção de abandonar o Real Madrid. Tal, obviamente, iria despoletar uma verdadeira “bola de neve”. No caso a retaliação de Florentino e que poderia passar por Neymar.

Ora, se tal sucesdesse, levaria a que o Paris Saint-Germain olhasse para Cristiano Ronaldo como um alvo muito apetecível e, simultaneamente, o Barcelona sentir a necessidade de rebater a “afronta” que seria o rival histórico passar a contar com o antigo menino querido da cidade Condal, que teria feito de Paris uma mera ponte.

Outros Negócios

Além destes negócios de “jogadores feitos”, surge a busca dos talentos do futuro. Como, ontem, demos conta o Real Madrid antecipou-se ao Barcelona para garantir os préstimos do prodígio do Santos, Rodrygo. O brasileiro foi contratado por cerca de 54 milhões de euros!

Por todas essas razões, para além do não de Griezmann em abandonar o Atletico Madrid. O clube da maior cidade da Catalunha está a preparar o seu verdadeiro golpe de mercado. Uma loucura por um jogador de talento superlativo e que tem sabido demonstrar o seu valor na Liga inglesa. Ao serviço do Tottenham e quando enverga as cores da sua seleção. Um verdadeiro número dez que poderia fazer com que Messi avançasse uns passos no terreno, ou, simplesmente, ocupar o posto de uma lenda. A lenda chamada “Don” Andrés Iniesta!

Christian Eriksen

Falamos de Christian Eriksen, que segundo as últimas notícias, poderá desencadear a abertura de negociações entre os Blaugrana e os Spurs!

Todavia, como bem sabemos os londrinos, na pessoa do seu presidente, Daniel Levy, são árduos e sapientes negociadores. Que o diga o Real Madrid, que para obter os préstimos, numa primeira fase, de Luka Modric e depois de Gareth Bale teve de pagar o que o homem que gere o clube num iate acostado nas Bahamas pediu. E foi mesmo muito dinheiro!

Assim, segundo o presidente do Tottenham, as contas são fáceis de fazer. Ora, ” Se o PSG pagou 222 milhões de euros pelo Neymar, o Christian Eriksen custa 225 milhões de euros”. Sendo assim uma conta fácil de fazer.

Entretanto, os catalães procuram satisfazer os desígnios do vendedor e não ficarem com a liquidez comprometida. Assim, o brasileiro Rafinha, que atuou a segunda metade da temporada 2017/18 no Inter de Milão, poderá integrar o negócio para abater o dinheiro a pagar. Desse modo, e seguindo o preconizado pelo site Transfermarkt, o irmão de Thiago Alcântara terá um valor de 28 milhões de euros. Isso permitirá reduzir o montante a pagar ao Tottenham.

Contudo, tal demonstra a verdadeira insanidade financeira que se vai vivendo no futebol europeu. Numa semana em que a UEFA anunciou as sanções frutos da violação das regras do fair play financeiro. Em que históricos como o AC Milan arriscam a exclusão das competições europeias devido aos seus débitos. Estes negócios parecem demonstrar que os grandes clubes não pensam nas contas futuras. O que importa é no imediato demonstrar poder sobre os demais concorrentes e “passar-lhes a perna”. Aguardemos pelo futuro!

Talvez você também se interesse por...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *