Colecionador – Fabio Rodrigues de Oliveira

Galera do Na Gaveta, hoje vamos a mais uma entrevista da Série Especial com os colecionadores de camisas de futebol.
Hoje o Blog vai até Curitiba, entrevistar o colecionador Fabio Rodrigues de Oliveira e que vai nos contar um pouco mais sobre sua coleção com foco nas camisas do Atlético Paranaense.

Na Gaveta: Como começou a colecionar? Alguém em especial te incentivou?

Fabio: Comecei a colecionar de verdade mesmo em 1994 , quando comprei a primeira camisa oficial. Por ser louco por futebol desde muito criança, sempre quis ter as camisas, influenciado também pelas figurinhas do Campeonato Brasileiro. Olhava aquelas camisas e pensava: “Um dia vou poder comprar todas que eu tiver vontade.” Lembro-me de um episódio em que fui com alguns amigos na extinta loja Fedato aqui em Curitiba (loja que pertencia ao zagueiro de mesmo nome, ex jogador do Coritiba e Palmeiras na década de 70) e vi um amigo gremista comprar uma camisa oficial pagando um “absurdo” na época. A camisa valia 10 vezes mais do que as que eu costumava “desejar” (as camisas falsificadas) e a partir daquele momento meu maior desejo era ter uma camisa oficial.

Na Gaveta : Sua coleção tem algum foco específico?

Fabio: Tem sim. O foco principal que não abro mão por NADA, são as camisas do Atlético Paranaense e tenho também um carinho pelas camisas dá Seleção Brasileira (principalmente as Topper e Umbro) além das camisas do Barcelona. Ainda tem também as camisas que não são desses focos que são inegociáveis, exemplo são as camisas da Itália feitas pela Nike.

Na Gaveta: Qual a camisa que você destaca na sua coleção?

Fabio: Então, é difícil destacar uma no meio de tantas. O meu maior sonhos desde que comecei a focar de verdade na coleção do Furacão era a Adidas que ficou aqui entre 88 e 90, porém em períodos picados. Era difícil o Atlético ter o material oficial para os atletas, imagina para venda (rs). Acabei conseguindo ela, mas tem outras que gosto de destacar. Uma Janjão/ Proonze de jogo utilizada pelo jogador Alex Lopes, uma Umbro de 90 anos do Atlético utilizada em jogo único (inauguração da Baixada e estreia de Adriano Imperador) , uma Janjão branca manga longa de 1991 e também uma Umbro azul de mangas longas da Seleção Brasileira possivelmente usada em jogo pelo Bebeto. Talvez essas sejam as que mais me agradem

Na Gaveta: Pelo que pude perceber você tem um carinho especial pelas camisas dos anos 80 e 90, qual é o motivo? A raridade das camisas ou algo sentimental mesmo?

Fabio: Então , algo sentimental mesmo, Como disse lá acima, colecionando as figurinhas ou vendo os jogos pela televisão eu ficava admirando as camisas da época. Assim como eu, vários colecionadores da minha faixa etária são fissurados na combinação Adidas/Coca-Cola, nas camisas da Dellerba, das camisas “3D” dá Umbro. Por isso se colocarem uma camisa dos anos 80 e outra dos anos 70 para eu escolher eu sem dúvida alguma escolheria a dos anos 80

Na Gaveta : Quantas camisas do Atlético você tem ? O que significa esse número de camisas para você?

Atualmente tenho muitas camisas, nunca parei pra contar. Apenas uma é de treino ( uma Campeã de 88) , as outras são modelos usados em jogo mesmo. Tenho outras tantas que vendo, troco, negocio também. Sendo bem sincero, minha satisfação pessoal é muito mais importante do que meu ego de ter tantas camisas, não me acho mais ou menos importante do que qualquer outro colecionador que tenha lá suas 10 camisas.

Na Gaveta: Nos conte alguma história curiosa de como conseguiu alguma de suas camisas?

Fabio: Conto sim! Tem uma bem legal. Acho que todo colecionador já viu um carrinheiro, um guardador de carros , um pedinte ou um mendigo com alguma camisa legal. Mas assim como todos, eu sempre tive vergonha de abordar. Isso até um dia que avistei de longe um carrinheiro com uma camisa vermelha e preta. Mesmo de longe comentei com um amigo meu : “Cara, parece uma Campeã, vou abordar esse rapaz! ” . No carro estava minha mãe junto, então a levei duas quadras adiante e voltei. Avistei o rapaz e parei ao seu lado. Quando baixei o vidro e falei: “E aí cara, beleza?” o coitado até se assustou (rs). Perguntei se “tinha jogo” naquela camisa do Atlético ( que era realmente uma Campeã) , e ele falou que sim. Resposta dele : ” Me dá vinte reais e tá tudo certo!”. Na hora fiquei tão feliz em conseguir a camisa que acabei dando só os vinte reais mesmo. Deveria ter dado um pouco mais. Depois desse dia eu abordo toda e qualquer pessoa na rua. Já consegui coisa boa com essa tática, inclusive a sonhada Adidas citada em uma das perguntas acima.

Como sempre, agradecer a entrevista e disponibilidade do amigo Fabio Rodrigues de Oliveira e sempre lembrando aqui no Na Gaveta, o espaço é todo seu e o próximo pode ser você.

Coleção de camisas do colecionador Fabio Rodrigues de Oliveira

O colecionador Fabio Rodrigues de Oliveira

Coleção de camisas do colecionador Fabio Rodrigues de Oliveira

Camisas do Barcelona, Itália e Argentina do colecionador Fabio Rodrigues de Oliveira

Camisa da marca Campeã do colecionador Fabio Rodrigues de Oliveira

Camisa Janjão / Proonze do colecionador Fabio Rodrigues de Oliveira

Camisas Adidas / Coca-Cola do colecionador Fabio Rodrigues de Oliveira

Coleção de camisas do colecionador Fabio Rodrigues de Oliveira

Camisas LeCoq do colecionador Fabio Rodrigues de Oliveira

O colecionador Fabio Rodrigues de Oliveira

Emerson Morelli

Fanático por futebol desde garoto, o colecionismo se tornou uma extensão disso.

Talvez você também se interesse por...

6 Responses

  1. João Batista diz:

    Isso ai cafétão parabéns.

  2. Thiago Vieira diz:

    Lindas camisas Fábio , não sei se tem mais camisas do Atlético paranaense do que eu mas tem muitas tb , minha coleção é focada no Atlético tb , mas tb tenho de alguns outros clubes brasileiros e de fora , mas as do atletico são especiais demais !! Parabéns

  3. Gustavo diz:

    Brother tenho uma antiga do atlético com a gola cinza ainda

  4. Eric Capretti diz:

    Parabéns Fábio! Meu idálo kkkk…

  5. Joni diz:

    Parabéns irmaozinho, quem te conhece sabe q vc merece cada uma q tem. Show!

  6. Suzuki diz:

    Parabéns Fábio. …lindas camisas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *