Colecionador Rodrigo Fiore

Hoje vamos até a cidade de São Paulo entrevistar o colecionador Rodrigo Fiore. Ele nos contou mais de como começou sua coleção, as camisas que são destaques em sua coleção e como uma rivalidade o impediu de usar uma de suas camisas.

NaGaveta.com: Como começou a colecionar? Alguém em especial te incentivou?

Rodrigo: Comecei no final de 2010 quando ganhei da minha mãe duas camisas do Real Madrid e do Milan além de uma do Palmeiras da Diadora que eu já tinha. Os meus pais foram os incentivadores além do meu irmão pois em cada viagem que a gente vai eu acabo comprando as camisas dos times locais além de ganhar de presente deles de Natal e aniversário.

Na Gaveta.com: Sua coleção tem algum foco específico?

Rodrigo: A minha coleção não tem nenhum foco muito específico pois eu acabo comprando camisas que eu acho interessante ou bonitas.

Rodrigo e suas camisas especiais

NaGaveta.com: Qual camisa você destaca na sua coleção?

Rodrigo: Existem várias camisas que na minha opinião são bonitas. Mas as duas que eu acho mais lindas que não são do meu time do coração o Palmeiras, são as seguintes. A do PSG da temporada passada branco com dourado e da Chapecoense branca com estrelas verdes em homenagem às vítimas.

Rodrigo e as camisas do PSG e da Chape

O que os familiares e amigos acham da coleção

NaGaveta.com: Quantas camisas você tem no Total? O que seus amigos e familiares pensam sobre sua coleção?

Rodrigo: Atualmente eu tenho 219 camisas entre camisas de segunda mão, autografadas e originais. Os meus familiares incentivam muito minha coleção. Os meus amigos gostam e dizem que nunca viram alguém ter tantas camisas. O que é sempre gratificante.

 

NaGaveta.com: Acha que te atrapalha não ter um foco ou ajuda?

Rodrigo: Eu acho que ajuda. Pois se eu tivesse algum foco eu não teria tantas camisas de times tão variados como eu tenho.

O armário de Rodrigo

Uma Rivalidade entre cidades

 

NaGaveta.com: Alguma história curiosa de como conseguiu alguma de suas camisas?

Rodrigo: Tenho. Aconteceu em 2015 numa viagem que eu fiz para a Paraíba e eu consegui comprar as camisas do Botafogo PB e do Campinense e não consegui usar na viagem. Descobri a grande rivalidade de João Pessoa com Campina Grande e existe lojas no shopping que só vendiam do Botafogo PB por conta disso e acabei descobrindo no hotel.

Emerson Morelli

Fanático por futebol desde garoto, o colecionismo se tornou uma extensão disso.

Talvez você também se interesse por...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *