Por fora das quatro linhas – Estádio Ipurua

Se você acredita que tudo é “glamour” nas principais ligas europeias, está enganado, hoje o NaGavetacom desembarca na Espanha para contar história do menor estádio entre as cinco principais ligas da Europa.

O estádio municipal de Ipurua foi inaugurado em 14 de setembro de 1947 e, desde então, sofreu mudanças drásticas. O futebol existia como um passatempo popular em Eibar por muitos anos antes da construção de Ipurua. Como tal, vários outros campos foram usados ​​para jogos ao redor da cidade.

 

No chão nivelado pelos escombros de edifícios destruídos pela Guerra Civil. Eibar foi fortemente danificado na guerra, sendo declarado “Região Devastada”. O Serviço Nacional de Regiões Devastadas e Reparações foi encarregado de realizar sua reconstrução. O campo foi inaugurado em 14 de setembro de 1947 em uma partida amistosa entre a equipe local e o vizinho de Elgóibar com o resultado de 0-2. O primeiro gol do estádio foi feito por Eulogio Echeverria.

O Estádio Ipurua

Situado no fundo de um vale em que era propenso a inundações, o Eibar priorizou a extinção do risco de inundação nivelando o solo em 1959 e instalando um sistema básico de drenagem. O campo daquele tempo não tinha grama e com a chuva se tornou uma verdadeira lama, até que esses ajustes foram realizados.

Os holofotes foram usados ​​pela primeira vez no estádio Ipurua em 1970. As luzes foram ligadas pela primeira vez para um amistoso entre as maiores equipes “Bascas” a Real Sociedad e o Athletic Club de Bilbao. Jogo que marcou a primeira edição do Trofeo de la Amistad (Troféu da amizade).

Visão da parte interna do estádio Ipurua

A trajetória do SD Eibar atingiu seu ponto mais alto nos anos 90. Em uma era de mudanças substanciais e normativas. A influência da Liga de Futebol Profissional foi fundamental durante este tempo, impondo um novo Plano de Saneamento sobre os clubes. Além da conversão forçada de clubes da Segunda Divisão para Empresas de Cotação Pública (PLCs). SD Eibar recebeu uma concessão financeira do Conselho Superior de Esportes e da Liga de Futebol Profissional para auxiliar na remodelação de Ipurua. Era um estádio que, apesar do seu caráter, exigia atualização em quase todas as áreas possíveis.

O campo foi novamente remodelado no verão de 2000 com a instalação de um novo sistema de drenagem. As instalações de Ipurua cumprem cada uma das normas de segurança da UEFA.

Visão de um torcedor no prédio em frente ao estádio. Fonte: http://www.hommem.com.br/

Ao longo dos últimos anos, as arquibancadas do Norte e do Leste foram derrubadas e reconstruídas. O que serviu para tornar o estádio mais moderno, seguro e acessível. Ao mesmo tempo em que aumentou sua capacidade para 7.083 pessoas. Os espectadores têm seus próprios assentos individuais, conforme ditados pelos regulamentos da UEFA.

O estádio de Ipurua sempre será sinônimo da história da SD Eibar; suas modificações e melhorias continuam refletindo a trajetória ascendente do clube azulgrana.

Talvez você também se interesse por...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *