Lev Yashin – революционный (o revolucionário)

Hoje é o dia do goleiro e em ano de Copa do Mundo vamos destrinchar um dos guarda metas que tenha sido destaque na competição, mas como escolher esse nome? Simples já que a copa é na Rússia vamos num tiro certeiro, Lev Yashin, o Aranha Negra da União Soviética…

Com seu uniforme completamente preto, sem detalhes, Yashin passou a ser conhecido como Aranha Negra. Em algumas regiões da europa era conhecido como Pantera Negra, também por causa do uniforme todo preto.

Nascido na capital da União Soviética, Moscou, em 22 de outubro de 1929. Yashin é um daqueles jogadores fiéis ao clube. Chegou ao Dínamo de Moscou em 1950 com aproximadamente 20 anos e defendeu o clube até 1970, quando parou de jogar. Um revolucionário que defendeu a União Soviética entre 1954 e 1970. Foi o primeiro goleiro a perceber que teria mais facilidade nas suas defesas se não ficasse plantado embaixo das traves. Por isso era comum ver ele se antecipando a cruzamentos e saindo do gol para fechar o ângulo dos atacantes. Isso dava ao arqueiro uma vantagem gigante que percebemos ao ver seus números. Em um terço dos jogos da carreira ele não levou gols, um número absurdo. Se juntarmos a sua capacidade de defender pênaltis, aproximadamente 150 defesas na carreira, dá para entender perfeitamente as razões dele. Ele está acima de praticamente todos os goleiros até hoje.

Cena bem incomum para a época, o goleiro saltando para antecipar o cruzamento.

Vale salientar que na época não existia um treinamento específico para goleiros o que ainda enaltece mais o seu talento. Uma curiosidade é que ele sempre fumava um cigarro e bebia um copo de vodka antes das partidas dizendo que era “para acalmar os nervos e tonificar seus músculos”. Seria esse o segredo da sua frieza?

A Carreira do Aranha Negra

Em sua vencedora carreira podemos destacar a Eurocopa de 1960 e a medalha de ouro nas olimpíadas de 1956. Pelo Dínamo foi pentacampeão soviético e tricampeão da Copa da URSS.

Individualmente também é um vencedor e se tratando de um goleiro seus feitos são incríveis. É o único goleiro a receber a bola de ouro até hoje, goleiro do século, jogador de ouro da Rússia. Além de estar presente na seleção do século XX, seleção de todos os tempos da Copa e seleção dos sonhos das Copas. Fora das quatro linhas também foi reconhecido ganhou as três Ordens, Lénin, Olímpica e da FIFA. Sem contar que entre 1994 e 2006 o nome da premiação para o melhor goleiro da Copa era o Troféu Lev Yashin.

Se estivesse vivo Lev teria 88 anos, mas o goleiro nos deixou em 1990 devido a um câncer no estômago, com 60 anos.

Sua carreira foi marcada por sua lealdade ao Dínamo e principalmente pelo seu jeito de jogar. Hoje podemos ver como Lev Ivanovich Yashin estava à frente do seu tempo pois até hoje os goleiros jogam como ele ensinou.

Principal jogador Russo da história, Yashin é o destaque no cartaz da Copa do Mundo 2018, na Rússia.

Rodrigo Pedrosa

Membro da família Na Gaveta, apaixonado por esportes, colunista do Manchester United no Manchester United Brasil, colecionador, Pai de Alice e Carol, atleta de handebol no Clube Português do Recife...

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *