Um brasileiro apaixonado pela Argentina

Hoje vamos a mais uma entrevista com um colecionador. Dessa vez um colecionador diferente: um vascaíno, fanático pela Argentina e que escolheu o nome de um dos filhos de Erick Higuaín. Confira.

O começo da paixão pelo futebol

Minha paixão por futebol começou aos meus 7 anos quando fui ao Maracanã pela 1ª vez com meu pai. Um torcedor vascaíno fanático. Naquele dia tive o privilégio de ver o Vasco golear por 4 x 1 o Corinthians e o único gol deles foi contra do Paulo Roberto. Do lado do Vasco 01 gol de Vivinho e 03 do baixinho Romário, aspirante no time principal do Vasco.  Sai do Maracanã e no caminho da estação de trem fui pedindo bandeira, camisa e gritando que era vascaíno e lógico meu pai mega orgulhoso.

A Copa de 90 e a paixão pela Argentina

Em 1990 eu acompanhei a Copa da Itália  e na final entre Alemanha e Argentina. Torci muito para ver novamente a albiceleste campeã  já que em 1986 tinha se consagrado, graças ao talento de Maradona. Foi quando descobri que tinha uma forte admiração no futebol argentino e comecei desde então a acompanhar cada vez mais. Em 1994, antes da Copa dos Estados Unidos, ao receber minha mesada fui ao Norte Shopping (Rio de Janeiro) e comprei a camisa away da Argentina. Cheguei em casa radiante e desde aquele momento sempre que possível tenho adquirido diversos produtos e camisas da albiceleste. Tenho bandeiras, mochilas, mala, chinelos, chaveiro, bandeira de mesa, agasalhos. São aproximadamente 62 camisas de diversos anos, copos, chuteira personalizada com a bandeira da argentina e as iniciais do Boca Juniors (CABJ), álbuns de figurinhas.

Camisa da Copa de 1994.

Higuaín no nome do filho

Por causa do meu amor pela seleção Argentina, pedi autorização a minha esposa para colocar o nome de um jogador argentino no meu caçula. Fui falando vários jogadores como, Saviola, Ortega, Veron, Caniggia, Batistuta, Aguero, Tevez, entre outros. Até que quando falei Higuain a mulher parou, pensou e disse que achava bonito. Com isso hoje tenho com 3 anos de idade o meu Erick Higuaín. E no dia das crianças o presenteei com uma camisa do Napoli personalizada com o nome Higuaín e a numeração 9.

Coleção de Camisas da Seleção Argentina

Uma coincidência com o Boca Juniors

No ano de 1994, meu amigo Julio Cesar, na escola comentou que minhas iniciais são as mesmas do clube argentino. Neste momento bateu a curiosidade. Fui as pesquisas e realmente constatei de que era verídico a informação e foi quando começou meu amor pelo clube. Afinal amo meu nome e minhas iniciais, inclusive elas são minhas assinaturas nas redes sociais.

CABJ = Club Atlético Boca Juniors
CABJ = Carlos Alexandre Bastos de Jesus

Com relação a minha coleção não sei com precisão quantas tenho. Porém já passei das 500 camisas e sonho um dia chegar ao meu primeiro milhar.  Tenho alguns critérios de compra e de escolha das camisas que terei na coleção, como por exemplo, camisas de clubes brasileiros. Todo clube preciso ter as duas HOME e AWAY do mesmo ano, mesmo tamanho, mesma numeração, mesmos patrocinadores. Clubes estrangeiros e Seleções o único critério é preferencialmente sem nome e numeração. Apenas ser uma camisa bonita aos meus olhos.

Diversos Itens da Argentina

 

Emerson Morelli

Fanático por futebol desde garoto, o colecionismo se tornou uma extensão disso.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *